Carrinho

Aprenda 8 diferenças entre português de Moçambique e Portugal

Foi há 51 anos atrás, a 25 de Setembro de 1964, que teve início a Guerra da Independência de Moçambique, também conhecida como Luta Armada de Libertação Nacional. O conflito armado aconteceu entre a FRELIMO (Frente de Libertação de Moçambique) e as Forças Armadas de Portugal, com um ataque ao posto administrativo de Chai no então distrito de Cabo Delgado. O conflito prolongou-se por um período de 10 anos tendo resultado, em última instância, na Independência total e completa de Moçambique.

A propósito da comemoração de mais um aniversário do início da Luta Armada, o Jumia foi descobrir algumas palavras moçambicanas típicas e que se diferenciam daquelas usadas em Portugal.

Mata-bicho

Mata-bicho

Para os moçambicanos, o dia começa com o mata-bicho e as típicas badjias (pastéis de feijão-nhemba) que combinam lindamente com um pão ou uma arrofada.

Já os portugueses começam o dia a tomar ou a comer o pequeno-almoço. Tipicamente mediterrânica, a refeição inclui normalmente café, leite, cereais, pão e fruta.

Geleira

Geleira

Em Moçambique, vai-se à geleira tirar ingredientes para preparar o mata-bicho, almoço ou jantar ou para beber uma cerveja bem fresquinha em dias quentes.

Em Portugal, usa-se a palavra frigorífico (do latim frigorificus) para designar o aparelho electrodoméstico que ajuda a conservar e arrefecer alimentos e bebidas.

Machimbombo

Machimbombo

Quem anda de transportes públicos em Maputo ou noutras cidades moçambicanas, o mais provável é que siga para o seu destino num machimbombo.

Em terras lusitanas, estes veículos são designados de autocarros, podendo também ser designados de carreira em meios mais suburbanos e/ou populares.

Maningue

Maningue

Quando uma mulher moçambicana compra um vestido deslumbrante ou o homem compra um fato bem elegante, muito provavelmente vai ouvir os seus amigos dizerem que a roupa que traz vestida é maningue nice.

Por sua vez, os portugueses desconhecem o termo e ouvi-los-á antes dizer "Esse vestido é muito bonito" ou "Esse fato é muito elegante".

Brada

Brada

Todos temos um ou mais bradas e são eles que estão ao nosso lado nos momentos mais felizes e que nos apoiam nos momentos mais difíceis.

Apesar de não ser desconhecida pelos moçambicanos, em Portugal é mais comum usar-se a palavra amigo ou irmão para designar alguém muito querido. Aqui no Jumia, temos muitos amigos!

Banga

Banga/Social

Qualquer pessoa, em qualquer lugar no mundo, adora os momentos em que se reúne com aqueles de quem mais gosta para se divertir. Nestes dias, em terras moçambicanas, as pessoas vão com os seus bradas a uma banga ou um social.

Já os portugueses organizam ou vão a uma festa com os seus amigos e família. A prática é comum e universal: comida, bebida e dança é tudo o que é preciso para celebrar!

Xibaba/Male

Xibaba/Male

Um moçambicano com poucos meticais na carteira é um moçambicano com pouco xibaba ou male, duas palavras usadas para designar dinheiro. Tenha pouco ou muito, no Jumia temos negócios imperdíveis para si.

Em Portugal, existem vários provérbios e ditados populares que referem a palavra dinheiro. Aqui fica um dos nossos favoritos: "Bolsa rota: dinheiro à solta!".

Xitolo

Xitolo

Termo utilizado para designar uma loja como o Jumia. Segundo a infopédia, a palavra xitolo vem do ronga xi-tolo, «idem», a partir do inglês store, pelo zulu.

Além de loja, os mais velhos usam também o termo bazar para designar um pequeno estabelecimento comercial, onde se vende toda o tipo de objectos, principalmente quinquilharias para decoração e brinquedos.